Goteira no teto: como prevenir sua casa desse mal? - Poli Júnior

Goteira no teto: como prevenir sua casa desse mal?

Goteira no teto: como prevenir sua casa desse mal?

A goteira é um dos principais problemas que surgem em construções, tanto em casas como em indústrias. 

Causando diversos problemas, principalmente em época de chuva, elas propiciam a infiltração da água, o que irá danificar lajes e forros, paredes, o que poderá causar grandes prejuízos.

No entanto, são várias as causas que promovem o surgimento de goteiras, e cada uma delas se tem uma solução diferente, assim como um custo para sua solução ou prevenção.

Então, para te ajudar a se livrar desse mal, vamos hoje mostrar as principais causas desse problema e como corrigir de forma adequada.

Quer se livrar de vez das goteiras? Continue lendo.

 

Principais causas das goteiras no teto

 

1. Caimento inadequado

Uma parte importante para se garantir a integridade das peças e evitar que a água da chuva se infiltre é o caimento do telhado

Pois, cada tipo de telhado irá apresentar um caimento específico indicado pelo fabricante.

O caimento irá permitir o escoamento da água pluvial de forma correta, isto é, sem que haja infiltrações para dentro do edifício.

Assim, é muito importante se atentar às recomendações do fabricante. 

Por exemplo: 

  • Telhas cimentícias e metálicas permitem inclinações menores;
  • Enquanto as telhas cerâmicas e de concreto precisam de inclinações maiores para que sejam eficientes no escoamento da água.

Não atender aos parâmetros recomendados poderá gerar o empoçamento da água e consequentemente o surgimento de goteiras e infiltrações

 

2. Falta de impermeabilização

Outra etapa da construção que por vezes não recebe a atenção que merece é a impermeabilização.  

Coberturas compostas apenas por laje que não apresentam uma boa impermeabilização podem apresentar facilmente infiltrações, que geram as goteiras.

Por isso, em lajes expostas, deve ser usado o impermeabilizante líquido ou a manta impermeabilizante

 

Imagem por Geocontract

 

Sendo necessário que sejam aplicadas por profissionais qualificados, de modo a ser aplicado de forma correta e com o mínimo de risco.

 

3. Falta de manutenção

Agora falando de problemas posteriores a execução da construção, é necessário que seja feita manutenção para vir a solucionar problemas que possam surgir antes que causem problemas mais sérios.

Para tanto, é importante essa manutenção preventiva, onde o profissional irá avaliar o estado das diversas partes que compõem a cobertura, da estrutura as telhas. 

A estrutura mais usada em casas é a estrutura em madeira, onde um madeiramento de boa qualidade pode durar até 50 anos no telhado.

No entanto, estruturas de madeira devem receber manutenção regularmente, para avaliar o estado de seus componentes. 

 

Imagem por Diego Telhados

 

Já que partes estragadas podem causar afastamento nas telhas, ou até mesmo a completa queda da cobertura.

Outro ponto a se atentar são agentes externos, como árvores próximas, animais, ou mesmo os efeitos do próprio ambiente. 

Pois, a vegetação próxima pode afetar a cobertura de forma direta e indireta, visto que galhos crescendo sobre a cobertura podem empurrar as telhas, ou o acúmulo gerado por folhas e galhos podem causar o empoçamento em partes do telhado, causando goteiras.

 

Quais os riscos causados pelas goteiras?

Como já foi dito, as goteiras causam diversos problemas, podendo representar até mesmo sérios riscos estruturais, de modo que devem ser resolvidas de forma urgente.

Pois, ao momento que a estrutura entra em contato com água, irá ocorrer reações que poderão danificar a estrutura do prédio.

Ao atingir a armadura, a água irá causar a oxidação, o que irá gerar rachaduras e fissuras no elemento, afetando sua integridade

Além disso, quando há uma laje abaixo do telhado, deve ter um sistema de impermeabilização instalado na laje, para que a água da goteira não afete sua estrutura.

Outro risco causado por goteiras são os danos ao sistema elétrico do edifício, o que pode afetar os aparelhos ou proporcionar sérios riscos de choques elétricos. 

em indústrias isso pode gerar altos prejuízos, já que pode danificar equipamentos e maquinários caros, podendo paralisar a produção, além dos riscos de acidentes.

Como acabar com as goteiras?

A solução desse problema irá depender do que causou as goteiras e do material do qual o telhado é composto. 

Como já falamos anteriormente, as causas das goteiras podem ser diversas, de problemas na execução ou projeção até agentes externos.

Além dos diversos materiais apresentarem suas próprias características e parâmetros que devem ser atendidos de forma apropriada.

Por isso, separamos aqui como resolver esse problema nos diversos materiais de telhas:

 

Telha de cerâmica

Imagem por Telhas Candelária

 

Quando se trata de telhas cerâmicas, a principal causa de goteiras são as peças defeituosas, onde o primeiro passo para solucionar o problema é identificá-las. 

Por isso, um profissional da área será capaz de analisar as condições do telhado e, quando possível, reparar, vedar aberturas, trocar as telhas quebradas, ou mesmo, em casos mais extremos, a necessidade de se refazer o telhado como um todo.

Porém, caso seja necessária apenas a reparação das telhas, existem várias opções como: tintas acrílicas, borrachas líquidas e mantas aluminizadas, que podem ser aplicadas de forma rápida.

 

Telhas metálicas

Imagem por Regional Telhas

 

Telhas metálicas apresentam uma menor probabilidade de apresentarem goteiras, isso é devido a serem, normalmente, melhor planejadas e executadas por mão de obra mais especializada.

Além disso, o próprio material garante uma maior segurança, já que o metal é um material industrializado, terá características mais padronizadas e uma maior resistência possível. 

No entanto, uma das características do metal é ser mais suscetível às movimentações de estrutura, já que é mais maleável.

Assim, é necessário que se tenha um bom sistema de impermeabilização, que precisam ser flexíveis, uma boa opção para esse tipo de cobertura são as fitas de manta.

 

Telhas cimentícias

Imagem por SuperBid

 

Já as telhas cimentícias tendem a apresentar falhas ao longo do tempo, isto é, as telhas apresentam rasgos e furos, que possibilitam a infiltração de água. 

No entanto, sendo facilmente substituídas. Podendo também optar por opções de vedação desses rasgos e furos.

 

Conclusão

Goteiras no teto podem trazer diversos problemas para o sua casa, desde apenas aquele incômodo até a estragar seus móveis ou aparelhos de sua casa.

Por isso, siga nossas dicas para o seu tipo de telhado e busque sempre ajuda profissional para corrigir esses problemas.

Caso tenha algum problema mais estrutural em sua casa, você pode nos contatar pelo próprio site ou telefone também, sem maiores compromissos.

Solicite já seu projeto e faça um orçamento! 

Quer conhecer mais sobre engenharia civil? Clique aqui e acesse nossos outros posts!

Inscreva-se na nossa Newsletter